Segunda, 07 Junho 2021 14:10

Magistério repudia evento presencial da Seduc-SP

Avalie este item
(0 votos)

CPP acionou assessoria do secretário Rossieli Soares para registrar insatisfação com a medida

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc) agendou para os dias 8, 9 e 10 de junho eventos presenciais de formação para funcionários de escolas públicas. As reuniões foram marcadas no Memorial da América Latina, com previsão de juntar 500 pessoas de diferentes cidades.

Diante do momento crítico de pandemia, com hospitais ainda lotados e quase meio milhão de mortos por Covid-19, entidades do magistério, entre as quais o CPP, vêm a público manifestar repúdio à clara demonstração de desrespeito à vida e aos decretos vigentes do Governo do Estado de São Paulo por parte da Seduc.

A diretoria executiva do Centro do Professorado Paulista, na pessoa da primeira vice-presidente, Loretana Pancera, entrou em contato com a pasta, na última semana, por telefone. Ela registrou o descontentamento da entidade com a postura negacionista do senhor secretário da Educação, Rossieli Soares, que autorizou evento presencial a despeito da gravidade atual do novo coronavírus.

Em defesa da vida, o Grupo "Juntos Somos Mais Fortes", que reúne diferentes entidades do magistério paulista (AFUSE, APAMPESP, APASE, APEOESP, CPP E UDEMO), repudia a decisão irresponsável e se posiciona contra a realização dos encontros presenciais.

Veja a nota de repúdio:

Lido 942 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.