Missão e Valores

Missão

Representar a categoria de profissionais do magistério no estado de São Paulo, almejando garantir os direitos dos professores e escola pública de qualidade.

Valores

Nosso trabalho é baseado no desenvolvimento da educação paulista, tendo como premissa a valorização dos profissionais que dedicam a vida à arte de educar. Uma sociedade instruída é a ponte para um país melhor e mais justo. Educação é investimento.

História

O CPP nasceu em 1930, quando um grupo de professores percebeu a importância de organizar uma entidade de classe representativa. Naquela época, apesar de o magistério já responder pela maior categoria profissional de servidores públicos do estado de São Paulo, faltava representatividade na sociedade civil. Faltava voz ao professorado paulista.

Essa carência de representatividade perante os diversos poderes do Estado estimulou a criação da entidade, que surgiu com o objetivo de reivindicar os direitos dos educadores. A primeira reunião preparatória para a fundação foi presidida por Amadeu Mendes. Cymbelino Ramos de Freitas liderou a organização e constituição da nova “sociedade”. 

Em 19 de março daquele ano foi decidido o nome da entidade e formada a comissão que redigiria o estatuto. Os documentos foram aprovados em 30 de abril, em assembleia geral, na qual foi eleita a primeira diretoria e presidência, o que instituiu o Centro do Professorado Paulista. 

A primeira reivindicação da entidade foi a equiparação dos vencimentos de todas as categorias de professores e o aumento progressivo dos salários para evitar o deslocamento do professor, fixando-o em sua escola, principalmente na isolada. Já naquele tempo, 87 anos atrás, houve resistência da Fazenda do Estado, que só acatou os pedidos depois de intensa luta. Foi a primeira de muitas vitórias do CPP. 

Ao longo dos anos, a instituição cresceu de forma significativa. O quadro associativo foi ampliado, houve fortalecimento da entidade no interior e várias conquistas históricas contribuíram para melhorar as condições de vida e trabalho dos educadores, inclusive dos aposentados. 

Hoje, o CPP é entidade de classe consagrada no estado de São Paulo. Conta com mais de 120 mil associados, além de patrimônio de 87 Sedes Regionais no interior paulista, 5 Subsedes na capital, o Instituto de Estudos Educacionais "Sud Mennucci", o Departamento Médico, 9 Colônias de Férias e alojamentos. São destaques os Departamentos Jurídico e Procuradoria, que auxiliam diretamente na vida legal e funcional dos associados.  

A Construção dessa entidade, instalada no coração de São Paulo, é resultado de grande trabalho coletivo. A história do CPP se confunde com a história da educação pública do estado. Uma história baseada na crença de que a transformação de toda e qualquer sociedade depende da educação de cidadãos.