Quarta, 06 Março 2019 13:02

Olimpíada Nacional em História do Brasil para equipes da rede estadual

Avalie este item
(0 votos)

No ano passado a competição contou com 169 equipes e 676 participantes de escolas estaduais de São Paulo

Alunos e professores das escolas estaduais de São Paulo já podem se inscrever para a 11ª edição da Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), organizada pelo Departamento de História da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).


A competição é voltada para professores de História e alunos dos ensinos Fundamental (8º e 9º anos) e Médio de escolas públicas e particulares. Para participar é necessário possuir equipe composta por três estudantes e um professor orientador.


Os alunos devem pertencer à mesma escola, mesmo que em salas, séries/anos diferentes. O professor orientador deve pertencer ao corpo docente da escola e pode orientar mais de uma equipe, mas um aluno não pode participar de mais de uma equipe.


A primeira fase de inscrições ocorre até 20 de março. A segunda etapa termina em 29 de abril ou até atingir o limite de interessados.


Inscrições e informações podem ser obtidas no site.


Como funciona

A Olimpíada conta com seis fases online, que ocorrem de 6 de maio a 15 de junho, com questões de múltipla escolha e realização de tarefas e duração de uma semana cada. As respostas podem ser elaboradas pelos participantes com base em debate com os colegas, pesquisa em livros, internet, orientação do professor, além de documentos e referências oferecidas.

Após as fases online, no mínimo 200 equipes (800 participantes) serão classificadas e convocadas para a final presencial, realizada na Unicamp, em Campinas, nos dias 17 e 18 de agosto. Nesta última etapa as equipes realizam uma prova dissertativa e no dia seguinte, participam da premiação com entrega de medalhas.

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.