Quinta, 07 Março 2019 15:20

SPPREV esclarece regras para aposentadoria

Avalie este item
(10 votos)

Em meio ao trâmite de aprovação no Congresso da reforma previdenciária brasileira, a São Paulo Previdência (SPPREV) esclarece que os servidores do estado de São Paulo que já preencheram os requisitos para se aposentar não sofrerão quaisquer mudanças em seu direito de aposentadoria advindas da aprovação de alterações nas regras previdenciárias atuais.
 

A autarquia assegura que o direito de aposentadoria nos moldes vigentes será resguardado, mesmo que a solicitação de aposentadoria não seja feita neste momento, uma vez que o considerado é o período em que os requisitos ao benefício previdenciário foram preenchidos e não a data em que foi realizada a sua solicitação.
 

A aposentadoria é uma importante decisão na vida de cada servidor e, portanto, deve ser uma ação ponderada e planejada. A SPPREV enfatiza que não há necessidade para urgência na solicitação do benefício.

 

12 comentários

  • Link do comentário Prof. Mário Bagascio Terça, 12 Março 2019 10:28 postado por Prof. Mário Bagascio

    Esse comunicado a SPPREV é um deboche a nós, Educadores, Lutadores e Sofredores da SEE. Ao dizer que "a aposentadoria é uma importante decisão na vida de cada servidor e, portanto, deve ser uma ação ponderada e planejada", ela nos debocha. Depois de 32 (trinta e dois) anos dando aulas, sofrendo com alunos mal-educados e na semi-marginalidade, que tentamos resgatar desse meio, e contando com 58 (cinquenta e oito) anos, ainda estou com meu PUCT na Diretoria de Ensino, com eu pedido de Aposentadoria em "análise". Diz-se de boca pequena que esse processo demora mais de um (01) ano. Não vejo a hora de cair fora desse ambiente degradante, perigoso e insalubre. E vem a SPPREV dizer que devemos ponderar e planejar para cair fora do "circo dos horrores" (escola pública)? Às vezes, é melhor não emitir comunicado algum a fazer chacota de nós, Educadores.

  • Link do comentário marilene ribeiro de brito Segunda, 11 Março 2019 20:56 postado por marilene ribeiro de brito

    Gostaria de saber se vou ter meu direito de aposentar na regra 30 anos de trabalho e 55 de idade sendo que:
    Faltam 200 dias para completar 30 anos.

    Tenho outra dúvida com relação com relação a incorporar o tempo que paguei o antigo IPESP na época em que estive em Licença 202.
    Paguei 7 meses.... e esse tempo posso juntar ao tempo de trabalho?


    Tempo de INSS anterior ao ser incorporado faz perder alguma % do valor da aposentadoria?
    Ela deixa de ser integral??
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

  • Link do comentário Mônica Almeida Ornelas Sábado, 09 Março 2019 15:02 postado por Mônica Almeida Ornelas

    Encaminhei meu pedido para transferir meu tempo de SPPrev para INSS através da Diretoria dr Ensino de Itapetininga. Por algum motivo burocrático esse pedido ficou parado lá por seis meses. Agora ja foi encaminhado para SPPrev (pelo menos é o que espero). Quanto tempo demora pra ocorrer essa transferência? Dependo desse tempo pra preencher os requisitos necessários e ter a garantia da minha aposentadoria quando achar conveniente.
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

  • Link do comentário Andrea Losada S Simoes Sábado, 09 Março 2019 10:29 postado por Andrea Losada S Simoes

    Gostaria de tirar uma dúvida. Tenho os 25 anos de contribuição mas não tenho 50 anos de idade vou 'perder' o meu direito e entrar nas novas regras?
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

  • Link do comentário Gisele Tridico Arroio Sexta, 08 Março 2019 22:42 postado por Gisele Tridico Arroio

    Boa noite.
    Em janeiro de 2020 completo 50 anos de idade e 25 anos em sala de aula.
    Estou ansiosa em saber como ficará o meu caso, se houver a aprovação da reforma.
    Gostaria de esclarecimentos.
    Grata, Gisele.
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

  • Link do comentário Marco Antônio da Silva Sexta, 08 Março 2019 07:55 postado por Marco Antônio da Silva

    No caso dos Policiais Militares, que possuem o regime de dedicação exclusiva e sem direito a hora extra e adicionais noturnos, por exemplo, como serão tratados nesta reforma?
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

  • Link do comentário Miguel Alberto Gracek Quinta, 07 Março 2019 22:25 postado por Miguel Alberto Gracek

    Sou aposentado pelo Estado a minha aposentadoria fica da forma em que está ou vai haver alguma mudança.
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

  • Link do comentário Maria Aparecida OLiveira Quinta, 07 Março 2019 21:41 postado por Maria Aparecida OLiveira

    Estive no SPPREV em São José dos Campos e me informaram que valia a dar a do requerimento.

  • Link do comentário Sandra Quinta, 07 Março 2019 21:32 postado por Sandra

    Tenho 45 anos, completo 20 de trabalho em junho! Como fico nessa lei?
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

  • Link do comentário Cláudia Regina Simão Quinta, 07 Março 2019 20:43 postado por Cláudia Regina Simão

    E quem falta um ano para se aposentar ??? Terá o pedágio de 50 % ???
    CPP: encaminhado à Procuradoria. Aguarde retorno por e-mail.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.