Segunda, 07 Maio 2018 19:40

Lição de casa

Avalie este item
(0 votos)

José Maria Cancelliero

O estado de São Paulo está sob nova direção. Márcio França (PSB) deixou o cargo de vice e assumiu o posto de governador em 6 de abril. Advogado de formação, ele já foi vereador, deputado federal e prefeito de São Vicente, no litoral. O que chama mais atenção em sua biografia, entretanto, é a família. A esposa Lúcia, com quem vive há mais de 30 anos, e a filha, Helena, integram a mais nobre das profissões. São professoras.
 

Depois de 23 anos de gestão tucana em São Paulo, sem avanços significativos para a educação paulista ou para a carreira do magistério, naturalmente renovamos as expectativas com um novo governo. Principalmente quando notamos laços estreitos, ainda que familiares, do Executivo com o professorado. Não é possível que França seja capaz de desprezar educadores. Mesmo porque tentará se eleger.
 

Com mandato curto, até 31 de dezembro, o atual governador é também pré-candidato ao posto permanente. Vai disputar as eleições de outubro.

Se acenar positivamente para a educação, considerando a máquina que tem em mãos, pode perfeitamente conquistar os paulistas. Todos clamam por educação de qualidade, o que requer valorização dos professores e políticas públicas consistentes para a área.
 

A primeira-dama está em sala de aula desde os 17 anos e há 36 dirige escola própria, em Praia Grande, com 700 alunos. Lúcia certamente conhece os desafios de ser professor, do árduo processo de ensinar e educar, assim como a filha, Helena, que seguiu a carreira da mãe.
 

Ambas as parentes de primeiro grau podem ajudar França a compreender a importância das causas do magistério. O governador precisa começar ouvindo-as. Lição literalmente de casa.


José Maria é presidente do CPP; escreve mensalmente no Jornal dos Professores (coluna de maio). 

Última modificação em Segunda, 07 Maio 2018 19:52

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.