Terça, 04 Dezembro 2018 18:40

São Bernardo comemora 'Dia da Consciência Negra' com reflexão

Avalie este item
(0 votos)

Professores celebraram data com exposição de arte de crianças e jovens autistas

A Sede Regional de São Bernardo do Campo realizou exposição de pintura de alunos autistas da Associação Cultural Artística e Esportiva de São Paulo (ACAESP).  As fotos mostraram o dia a dia da população negra e como o povo entende e vê a contribuição da cultura africana em suas vidas e cotidiano.
 

As obras ficaram expostas de 26 a 30 de novembro. Houve roda de discussão com as participações de Laismeris Cardoso de Andrade, diretora da Regional da entidade; Aldo Santos; Paulo Neves e Lucimara, ambos membros da diretoria da Apeoesp; e Neyvaldo e Sonia Regina Faes, ambos da ACAESP; além do Carlos André, da Fundação de Santo André.
 

Segundo Laismeres, a exposição promoveu reflexão sobre as relações raciais na cultura paulista. “O fim da abolição não representou também o fim dos problemas sociais para os escravos libertados. O racismo e a resistência à inclusão dos negros na sociedade brasileira após a abolição foram um motivo para se escolher o 20 de novembro como data para se lembrar dessa situação”, pontuou a diretora. Para ela, a resistência dos afrodescendentes não se fez apenas no confronto direto contra os senhores e forças militares, mas também no aspecto religioso e cultural, como no candomblé, na capoeira e na música. "Relembrar essas características culturais é uma forma de mostrar a importância dos africanos escravizados e de seus descendentes na formação social do Brasil."

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.