Quinta, 21 Novembro 2019 11:59

São Carlos faz homenagens e enaltece o papel dos professores

Avalie este item
(0 votos)
São Carlos faz homenagens e enaltece o papel dos professores Foto: divulgação

Foi realizada nesta segunda-feira (18), no Teatro Municipal Dr. Alderico Vieira Perdigão, a entrega oficial do Troféu Professor João Jorge Marmorato à “Professora do Ano de 2019” Julieta Lui; do Troféu Benedicta Stahl Sodré à “Professora Emérita do Ano” Maria Aparecida de Morais; e do “Troféu Palmiro Menucci” à professora Débora Gonzales Costa Blanco. As honrarias foram atribuídas pelo Centro do Professorado Paulista (CPP) de São Carlos  em reconhecimento aos relevantes serviços prestados à Educação.


Também receberam homenagem especial da entidade de classe os professores João Carlos Rodrigues, Pedro Marcelo Batista, Marta Foschini de Lima, Maria Amélia Meirelles Botta Martins e Patrícia Yoshico Matubaro Mareschachi.


Prestigiaram a solenidade o secretário municipal de Educação, Orlando Mengatti Filho (representando o prefeito Airton Garcia Ferreira), a reitora da Universidade Federal de São Carlos, Profa. Dra. Wanda Hoffmann; o juiz de Direito Dr. Paulo Scanavez; o presidente da Comissão OAB Vai à Escola, Dr. Daniel Luiz Cardoso (representando a OAB São Carlos), os vereadores Laíde Simões e Rodson Magno do Carmo; e o Diretor Regional do CPP e vereador, Professor Azuaite Martins de França, orador oficial da sessão.


Regulamentada pela Lei Municipal  nº 13.211 de 18/9/2003, a realização da sessão solene anual premia professores eleitos entre docente em exercício, aposentado e personalidades atuantes na educação em níveis estadual ou nacional. Os pronunciamentos na ocasião enalteceram o papel do professor como figura central do processo educacional e destacaram a importância da educação  como fator de transformação social e desenvolvimento do país.


Professora do Ano

Julieta Lui, eleita Professora do Ano de 2019, é natural de Limeira e reside em São Carlos desde os  três anos de idade. Filha de Romeu Lui e Norma Laurenciano Lui (falecidos), tem três irmãos: Luiz Roberto, Carlos Alberto e Romeu Lui Filho, e uma filha: Julia Lui Baptista. Formada como professora PEB I no Magistério na Escola Jesuíno de Arruda, graduou-se em Educação Artística pela UNAERP e em Pedagogia pela Faculdade São Luis.


Começou a lecionar em 1977 em Ibaté, na Escola Edésio Castanho, tendo como diretor Ulisses Picolo e vice Teresinha Bianco. Efetivou-se em 1982 como PEB I em Taboão da Serra, na EE Armando de Andrade. Como PEB II DE Educação Artística efetivou-se na mesma escola em 1984 e removeu-se para São Carlos no ano seguinte, vindo lecionar nas escolas Sebastião de Oliveira Rocha e Arlindo Bittencourt, onde se aposentou em 2007.


Antes mesmo de se aposentar, assumiu em 2005 assumiu novo cargo efetivo na Escola Eugênio Franco, passando pelas escolas Juliano Neto, Arlindo Bittencourt e atualmente na escola Jesuino de Arruda. Julieta atuou como sindicalista, de início no CPP (Centro do Professorado Paulista) e posteriormente na APEOESP (Associação dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) em defesa dos direitos da categoria. Foi vereadora eleita de 1989 a 2004 em quatro mandatos consecutivos e fundadora nacional do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL).

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.