Ed Junior, da Procuradoria, orienta os profissionais da educação, caso essa medida seja tomada pela escola.